quarta-feira, 28 de março de 2012

Marcela Mangabeira, a voz da nova Bossa Nova

 Dona de uma sorriso contagiante e de uma voz natural, cantada de maneira simples, com fineza, em tom baixo, tranquilo, sibilando versos transbordados em paz e alegria. Essa é a recifense mais carioca de todas, Marcela Mangabeira.
 Marcela é a mais sobresaliente dentre os talentos da atual geração da Bossa Nova. Sua primeira grande aparição na mídia foi em 2000, quando foi uma das selecionadas em um concurso da Rede Globo. Daí, foi um impulso na carreira para que,  olheiros e descobridores de novos talentos voltassem sua atenção para ela. Inclusive Roberto Menescal, um dos fundadores do gênero brasileiro, com o qual gravou seu primeiro disco, Simples.
 Simples foi lançado em 2005 no Japão, onde conseguiu considerável sucesso, e em 2006 no Brasil. Passeando pela Bossa, MPB e Samba, Marcela canta grandes sucessos de Caetano, Gal, Tom e Fernanda Takai. As canções escolhidas são todas com mensagens positivas. O cd passa uma imagem de praia, com chapéu de palha, ao fim da tarde, ouvindo passarinhos assobiarem, com uma leve brisa lhe batendo ao rosto. E todo esse cenário é fortalecido pela voz da cantora: leve como brisa, suave como cantar de um passarinho. ''Simples'' é o que se pode dizer desse trabalho.
 Seu segundo disco, Colors of Rio, veio em 2011. Com a mesma faceta simples, que é o que caracteriza o seu trabalho, Marcela Mangabeira se arisca em canções pop. Sempre com muita destreza, a cantora mantém sua maneira particular de cantar versões in bossa de cantores como Lady Gaga, Katy Perry, Rihanna, entre outros.
 Além desses dois trabalhos, Marcela Mangabeira detém dezenas de canções espalhadas pela internet. São versões, entre outros, de Madonna, Maroon 5, Michael Jackson. Algumas presentes em álbuns como Hits In Bossa, Michael In Bossa e Versões em Bossa.
 Vão aí algumas canções para contentar seus ouvidos:

Um comentário:

  1. Não conhecia essa cantora, curti a voz, as musicas são relaxantes...

    ResponderExcluir